Olinda, onde se passeia e dança o frevo.

Olinda, onde se passeia e dança o frevo.


O encanto de Olinda reside principalmente no sobe e desce de suas ladeiras. Haja saúde e disposição para caminhar debaixo do sol escaldante, mas vale muito o passeio pelas ruas de paralelepípedos, observando as casas coloridas, tentando dar uma espiadela para dentro das janelas e descobrir o cotidiano deste povo alegre e tão cortez.


Alguns pontos do centro histórico de Olinda são imperdíveis, ao subir a ladeira para o Alto da Sé vamos de encontro a Igreja Nossa Senhora da Misericórdia e de lá podemos deslumbrar uma linda vista da cidade.


Caminhando pelas ruas podemos conhecer as casas de arte dos bonecos gigantes de Olinda e também admirar a paisagem de um ponto mais alto ainda, no elevador panorâmico do Alto da Sé, que fica ao lado da Catedral. Na parte lateral da catedral também há um mirante de onde você pode contemplar a vista de um outro ângulo.


No carnaval, Olinda fica ainda mais movimentada por conta do frevo, os blocos descem a ladeira, formando um verdadeiro espetáculo de cores e dança.

No alto da Sé é possível encontrar bons restaurantes e petiscos para uma parada de lanche ou para se refrescar com alguma bebida gelada.

Você também encontra artesanatos em barro e madeira, tecidos de fibra de coco em diversas lojinhas espalhadas pelo Alto da Sé.

Os repentistas são uma atração a parte e estão por ali para animar os turistas. Até o Viajando no Mundo teve direito a um repente cantado por José Ivo e Manoel Bezerra no Alto da Sé, confira o vídeo.

Deixe uma resposta