• Viajando no Mundo

10 dicas práticas para explorar Buenos Aires.


Para aproveitar melhor a terra do tango, o Viajando no Mundo preparou 10 dicas práticas para quem quer explorar a cidade. Vamos vê-las!

1) A rede de transporte urbano em Buenos Aires é bem grande e fica quase impossível descobrir qual ônibus vai até onde. O truque está em procurar uma banca de jornal e comprar um guia de bolso da cidade. O Guia T possui um mapa das ruas e um roteiro com todas as linhas. O custo do guia varia entre 5 e 7 pesos.

2) Os táxis são relativamente baratos, mas evite tomá-los diretamente nas ruas. É recomendável na primeira vez informar-se no hotel em que estiver hospedado e chamá-lo por telefone. Guarde o contato para poder acioná-lo quando houver necessidade. Ande sempre com um guia da cidade, para que tenha uma noção de onde está sendo levado.

3) É praticamente inadmissível estar na Argentina e não comer um tradicional churrasco (asado), mas as opções não param por aí. Buenos Aires recebeu influência da culinária de inúmeras culturas, portanto encontramos diversas cantinas italianas, pizzarias, churrascarias e restaurantes especializados em culinárias de diversos países. Neste Guia de Restaurantes, você pode encontrar ótimas opções gastronômicas na capital e até mesmo em outras cidades argentinas.

4) Para assistir o verdadeiro Tango Argentino, procure locais mais interessantes, como o Centro Cultural Torquato Tasso em San Telmo, La Viruta em Palermo ou entre no clima pra valer em algum dos bares de San Telmo que tenha shows. Você irá encontrar e vivenciar verdadeiros espetáculos da dança e de canções populares.

5) Com a desvalorização do peso em frente ao real, muitos brasileiros tem ido a Buenos Aires para realizar compras. Na Avenida Córdoba encontramos os Outlets de grandes marcas nacionais e internacionais. Sapatos, bolsas e casacos de couro também podem ser comprados na Avenida Santa Fé. Na feirinha da Plaza Serrano, diversas pechinchas fazem a alegria dos visitantes.

6) As opções de hospedagem em Buenos Aires vão desde Albergues da Juventude para os mais aventureiros até os hotéis mais luxuosos para aqueles que não se incomodam em colocar a mão no bolso. Se você não quer abrir mão do conforto e não pretende gastar muito com hospedagem, o ideal é fazer uma reserva com antecedência.

7) Buenos Aires possui um boa rede de informação turística. Os principais centros de informações estão nos Aeroportos e em outros seis pontos espalhados pela cidade: Caminito, Calle Florida, Centro Cultural San Martin, Obelisco, Puerto Medro e o terminal de ônibus de El Retiro. Existem ainda locais de informação no segundo andar do Centro Comercial Galerias Pacífico.

8 ) Os cafés tornaram-se parte do patrimônio cultural e da vida cotidiana dos portenhos. O horário de funcionamento é muito variado, mas eles costumam ficar lotados por volta das 18h00.  Se você pretende saborear um café mais tranquilamente, escolha um horário diferente, há cafés praticamente em todas as esquinas.

9) Um passeio mais tradicional para os amantes da história é uma visita a Casa Rosada (Sede da Presidência da República Argentina), palco de diversas manifestações políticas e artísticas, tais como cenas dos filmes Evita e A História Oficial. O ingresso é gratuito e os passeios podem ser feitos em grupos a cada trinta minutos, com duração de aproximadamente vinte minutos.

10) Existem lindos e tradicionais lugares que não podem ficar de lado. Com certeza Buenos Aires vai muito além, mas podemos citar alguns como Barrios de Recoleta, Palermo, Belgrano, San Telmo, La Boca, O Micro e Macro Centro Portenho, Puerto Madero e ainda em seus arredores o Tigre e San Isidro, tornando Buenos Aires um destino inesquecível.

#gastronomia #caminito #recoleta #hoteis #dicas #argentina #churrasco #transporte #tigres #portenho #buenosaires

0 visualização
 

Formulário de Inscrição

  • YouTube
  • Facebook
  • Instagram

©2020 por Viajando no Mundo. Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now